Provérbios Persas.


Provérbios Persas.

01=”A paciência é árvore de raiz amarga, mas seus frutos muito doces.”
02=”A palavra que retens dentro de ti é tua escrava. A que escapa de ti é tua senhora.”
03=”A areia do deserto é para o viajante cansado, bem como a incessante falar com a amante do silêncio.”
04=”Conhece-se o coração de um homem pelo que ele faz, e a sua sabedoria pelo que ele diz.”
o5=”Duas coisas indicam fraqueza: calar-se quando é preciso falar, e falar quando é preciso calar-se.”
06=”Eu reclamava que não tinha sapatos, até encontrar um homem que não tinha os pés.”
07=”Não ergas alto um edifício sem fortes alicerces; se o fizeres viverás com medo”
08=”O trabalho que odeias faz-te escravo.”
09=”O homem sábio busca sabedoria; o louco pensa que a encontrou.”
10=”Quando escurece podem ver-se as estrelas.”
11=”Quando alguém ferir sua vaidade, não pense que sua honra foi atacada”
12=”Vá e acorde sua sorte.”

VEJO UMA MULTIDÃO.

São peregrinos:
Caminham alegremente,
Com Jesus por companheiro,
Com Jesus como seu Chefe,
Com Jesus no coração,
Cada dia fielmente.
São peregrinos:
Que trabalham com alegria,
Com força e com coragem,
Sem nunca desanimarem,
Vivem no mesmo Espírito,
Um espírito de harmonia.
São peregrinos:
Que se lembram a cada dia,
Que a cruz que Jesus carregou,
Levou-a mas pertencia-lhe
A coroa que o Mestre usou,
Usou-a mas era deles.
São peregrinos:
Que olham para a fé de Jesus,
Para a esperança que receberam,
Para o amor que derramou,
Confiados no Seu Espírito,
E no poder da Sua cruz.
São peregrinos:
Que muitas provas experimentaram,
Suportaram muitas tristezas,
Uma multidão de tentações,
Que só a morte pode evitar,
Mas nunca desanimaram.
São peregrinos:
Que sabem que tudo isso são jóias,
São jóias de real valor,
Que são como degraus,
A ligar o céu à terra,
Entre eles e o Seu Senhor.
São peregrinos:
E eu aqui grito!
Oh! multidão de peregrinos sede felizes,
Levantai as vossas cabeças,
Lá esta ligeira aflição acabará,
Trocar-se-á por um grande prémio,
Juntos de vosso Senhor habitareis,
A aflição e a dor jamais haverá.
Por: António Jesus Batalha.

Ecos Da Verdade, António Jesus Batalha,Bíblia Sagrada, Ciência, Desporto, Deus,Jesus Cristo,

Anúncios

Sobre Antonio Ja Batalha

Um Peregrino..
Esta entrada foi publicada em Provérbios Persas. com as etiquetas , , , , , , . ligação permanente.

Obrigado e volte sempre.

Please log in using one of these methods to post your comment:

Logótipo da WordPress.com

Está a comentar usando a sua conta WordPress.com Terminar Sessão / Alterar )

Imagem do Twitter

Está a comentar usando a sua conta Twitter Terminar Sessão / Alterar )

Facebook photo

Está a comentar usando a sua conta Facebook Terminar Sessão / Alterar )

Google+ photo

Está a comentar usando a sua conta Google+ Terminar Sessão / Alterar )

Connecting to %s